A importância da primeira infância

A primeira infância é um período essencial para o desenvolvimento cerebral, com a aquisição de capacidades fundamentais para o aprimoramento de habilidades futuras mais complexas.

A primeira infância é um período essencial para o desenvolvimento cerebral, com a aquisição de capacidades fundamentais para o aprimoramento de habilidades futuras mais complexas.
A primeira infância é um período essencial para o desenvolvimento cerebral, com a aquisição de capacidades fundamentais para o aprimoramento de habilidades futuras mais complexas.

O desenvolvimento social, afetivo e físico das crianças nos primeiros anos de vida impactam diretamente em seu desenvolvimento e no adulto que se tornarão. Sendo assim, é preciso entender a importância da primeira infância para então investir nas crianças pequenas para maximizar seu futuro e bem-estar.

A primeira infância é um período essencial para o desenvolvimento cerebral, com a aquisição de capacidades fundamentais para o aprimoramento de habilidades futuras mais complexas. 

As crianças com desenvolvimento integral saudável durante os primeiros anos de vida têm mais facilidade de adaptação em ambientes diferentes e também para novos conhecimentos. Isso as torna cidadãos responsáveis.

O que é a primeira infância?

Estudos científicos de diversos setores como psicologia do desenvolvimento e sobre os impactos de políticas públicas voltadas para a infância, apontam que o período de maiores possibilidades para a formação das competências humanas acontece durante a gestação e o sexto ano.

A primeira infância corresponde então ao pré-natal e o sexto ano de vida da criança, somando 1.000 dias de desenvolvimento fundamental para o crescimento dessa pessoa. Nos primeiros anos, aproximadamente mil células cerebrais se conectam por segundo, o que proporciona o seu desenvolvimento estrutural pleno assim como a saúde mental e física da criança.

Sendo assim, crescer em um ambiente cercado de segurança, saúde, boa alimentação e estímulos positivos é essencial. É por isso que crescer em um ambiente cercado de segurança, saúde, boa alimentação e estímulos positivos é imprescindível.

A importância da primeira infância

Durante a primeira infância a criança aprende muito e de maneira rápida. Isso porque as crianças absorvem todo o tipo de informação, experiências e emoções a que são expostas.

E mesmo que ela não entenda 100% determinada situação, as palavras e sentimentos ali inseridos serão absorvidos.

Quando uma criança está exposta a um ambiente com falta de estímulos, condições de extrema pobreza e desnutrição, brigas constantes, todos esses fatores ocasionam a absorção apenas de estímulos negativos, o que prejudica o desenvolvimento cognitivo e social.

Algumas brincadeiras, por exemplo, são de extrema importância, pois realizam a conexão de neurônios, desenvolvem a cognição, aprendizado e interação social. Crianças que brincam constantemente, aprendem a responder aos estímulos de maneira rápida e estabelece contato com o mundo.

É por meio de brincadeiras que as amizades nascem e os laços são estreitados. Sendo assim, além do contato com os pais e a escola, qualquer pessoa que interaja com essa criança deve incentivar a prática dessas atividades e fazer com que o momento seja dedicado a esse desenvolvimento.

Pais que possuem uma agenda lotada e não tem muito tempo ou julgam esse momento sem importância estão atrapalhando o desenvolvimento saudável das crianças prejudicando as estruturas cerebrais, cognitivas, intelectuais e sociais de seus filhos.

Durante a primeira infância e as brincadeiras as crianças utilizam todos os sentidos: 

  • Audição;
  • Visão;
  • Paladar;
  • Tato;
  • Olfato;

E até mesmo o movimento que ajuda no desenvolvimento de sua autonomia e autoestima, além de coletar informações sobre seu mundo.

No futuro, a linguagem será mais um meio de coletar informações. Assim a criança organiza e reorganiza essas informações, transformando-as nas primeiras impressões de si própria, de outras pessoas e do mundo.

Como vimos, uma primeira infância cheia de cuidados, amor, estímulos e interação solidifica o caminho para que a criança desenvolva e aproveite todo o seu potencial durante a primeira infância. 

Assim, com os cuidados certos durante a primeira infância, nasce um adulto mais equilibrado e saudável, e uma sociedade com os mesmos valores.

Compartilhar

Veja Mais

plugins premium WordPress

Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação em nosso site. Ao continuar navegando em nosso site, você concorda com o uso de cookies.